Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Juros da dívida de longo prazo abaixo de 4%

Os juros das obrigações a 10, 15 e 20 anos registam na sessão da manhã desta quinta-feira níveis inferiores a 4% no mercado secundário. As taxas estão em mínimos desde setembro ou outubro do ano passado. Juros da dívida grega a 10 anos abaixo de 6%, pela primeira vez desde agosto de 2014

Jorge Nascimento Rodrigues

As yields das Obrigações do Tesouro português (OT) nos prazos mais longos, a 10, 15 e 20 anos, registam na sessão da manhã desta quinta-feira níveis abaixo de 4% pela primeira vez desde meados do último quadrimestre de 2016.

No prazo de referência, a 10 anos, as yields das OT desceram esta manhã, pelas 10h30, para 3,42%, um nível que não se verificava desde setembro do ano passado. No prazo a 15 anos, caíram para 3,8% e a 20 anos recuaram para 3,97%.

Em relação ao fecho de abril, as yields das OT a 10 anos já caíram 16 pontos base, a segunda maior descida na zona euro, depois da queda de 35 pontos base para o custo das obrigações helénicas naquele prazo.

As yields das obrigações gregas a 10 anos já desceram abaixo de 6% durante a sessão de quarta-feira e esta quinta-feira já voltaram a cair para níveis inferiores àquele patamar. Os analistas preveem o fecho do segundo exame ao terceiro resgate, com um acordo técnico, na reunião do Eurogrupo de 22 de maio e o governo grego admitiu pretender regressar ao mercado de emissões obrigacionistas em meados de junho.

A Agência do Tesouro helénico (PDMA) regressou ao mercado da dívida em abril e julho de 2014 com operações de sindicação a 5 e 3 anos. Desde essa altura não voltou a colocar emissões obrigacionistas. Segundo Manos Giakoumis, economista-chefe do site Macropolis, poderão realizar-se, agora, duas novas operações, uma de sindicação e outra de renovação do título de €1,5 mil milhões que vence em julho próximo.