Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Uber teve perdas de 2,8 mil milhões de dólares em 2016

Tiago Miranda

Ainda assim, o grupo de São Francisco, nos EUA, adiantou que o número de viagens realizadas em 2016 mais do que duplicou face ao ano anterior

A empresa norte-americana de transporte de passageiros Uber revelou esta sexta-feira que teve prejuízos de 2,8 mil milhões de dólares (2,6 mil milhões de euros) em 2016 e um volume de negócios de 6,5 mil milhões de dólares.

A Uber, que não é cotada em bolsa, não está obrigada a publicar regularmente as suas contas, mas a Bloomberg avançou inicialmente com estes números que foram depois confirmados também pela AFP.

O grupo de São Francisco, nos EUA, que opera em vários países incluindo em Portugal, adiantou que o número de viagens realizadas mais do que duplicou no ano passado, totalizando os 20 mil milhões de dólares, excluindo as operações na China onde a Uber vendeu a sua atividade.

"Estamos felizes por ter uma atividade sã e em expansão que nos dá a larga margem de manobra que é precisa para realizar as mudanças que sabemos que são necessárias", afirmou a responsável pelas operações da Uber na América do Norte, Rachel Holt, à AFP.