Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Centeno confirma que venda do Novo Banco será assinada até final da semana

RAFAEL MARCHANTE / Reuters

Revelação do ministro das Finanças confirma as declarações de António Costa, que esta terça-feira revelou que o Governo tinha a expectativa de concluir a venda do Novo Banco até ao fim desta semana

O processo de venda do Novo Banco está na fase final e a assinatura será feita esta semana, confirmou esta manhã o ministro das Finanças, em Londres.

"O processo de venda do Novo Banco está nas fases finais e a assinatura será feita esta semana", revelou Mário Centeno durante uma palestra intitulada "As Perspetivas para Portugal e para a Europa", realizada no auditório da agência de notícias Bloomberg, em Londres.

Centeno referia que, quando chegou ao poder, o Governo tinha encontrado vários problemas relacionados com o sector financeiro e que já tinha resolvido a maioria, estando o processo de venda do Novo Banco, que "estava parado", em vias de resolução.

Esta informação confirma as declarações do primeiro-ministro, António Costa, que esta terça-feira revelou que o Governo tinha a expectativa de concluir a venda do Novo Banco até ao final desta semana. Questionado pela agência Lusa se a situação do Novo Banco estaria resolvida até ao final da semana, António Costa respondeu apenas: "Sim, é essa a expectativa que temos".

A comissária europeia da Concorrência Margrethe Vestager admitiu na segunda-feira a possibilidade de o Estado português manter 25% do capital do Novo Banco, mas apontou que então deverá assumir outros compromissos, escusando-se a especificar quais.

O Novo Banco é o banco de transição que ficou com os ativos menos problemáticos do Banco Espírito Santo (BES), alvo de uma intervenção das autoridades em 3 de agosto de 2014, e que está em processo de venda.

Desde fevereiro que o Governo está a negociar a venda do Novo Banco em exclusivo com o fundo norte-americano Lone Star.

O fundo norte-americano passou para a frente nas negociações depois de, no final de 2016, ter sido noticiado que, entre os concorrentes, o fundo chinês Minsheng tinha a melhor proposta financeira, mas não apresentou provas de que conseguiria pagar o montante oferecido, devido às restrições de movimentação de divisas na China.

Por acordo com a Comissão Europeia, o Novo Banco tem de ser vendido até ao verão deste ano.

O Lone Star Funds foi fundado em 1995 e investe nos setores financeiro e no imobiliário. Em Portugal, tem um investimento em Vilamoura.