Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

EDP espera concluir compra da Renováveis no terceiro trimestre

Luís Barra

António Mexia acredita que a OPA sobre a EDP Renováveis ficará concluída no início do terceiro trimestre e irá “preservar o perfil de baixo risco da EDP”

Miguel Prado

Miguel Prado

Jornalista

A EDP espera concluir a oferta pública de aquisição (OPA) sobre a EDP Renováveis entre o segundo e o terceiro trimestres deste ano, segundo uma apresentação a analistas para contextualizar a operação anunciada na segunda-feira, a um preço de 6,8 euros por ação.

A oferta lançada sobre os 22,5% da EDP Renováveis que a EDP não controla (e que dispersou em bolsa a 8 euros por ação) está agora sujeita aos prazos de registo da operação na Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), mas o presidente executivo da EDP, António Mexia, revelou que a expectativa do grupo é concretizar a OPA no início do terceiro trimestre.

Numa conferência com analistas financeiros, António Mexia sublinhou que a OPA “é uma proposta atrativa tanto para os acionistas da EDP como para os da EDP Renováveis”, e irá contribuir para “simplificar” a estrutura do grupo EDP e a “história” que a empresa vem apresentando aos investidores do mercado de capitais.

A oferta sobre a EDP Renováveis poderá custar cerca de 1,3 mil milhões de euros à EDP, que serão financiados por via do encaixe de 2,6 mil milhões de euros resultante da venda da Naturgas (empresa de distribuição de gás natural em Espanha), anunciada também na segunda-feira.

“A combinação das duas transações preserva o perfil de baixo risco da EDP”, referiu ainda António Mexia na apresentação a analistas.

Com a venda da Naturgas a EDP irá perder anualmente 165 milhões de euros de EBITDA (resultado antes de juros, impostos, depreciações e amortizações). Em contrapartida, o grupo aumentará a apropriação de ganhos gerados na EDP Renováveis (que deixará de partilhar com os atuais acionistas minoritários da empresa).

  • EDP lança OPA sobre Renováveis

    A empresa liderada por António Mexia vendeu a Naturgas e vai usar o encaixe financeiro para comprar as ações da EDP Renováveis. O grupo oferece €6,80 euros por cada título

  • As ações da EDP Renováveis estão a disparar quase 10% no PSI20, ultrapassando o valor de 6,8 euros da OPA (oferta pública de aquisição) lançada esta segunda-feira. As ações já estiveram a subir 10,26%, para 6,91 euros, o que corresponde ao valor mais elevado desde o final de outubro