Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Alojamento local em Lisboa é mais reservado na Booking que na Airbnb

Luís Barra

A maioria dos edifícios estavam desocupados antes de ser alojamento local e a maioria dos proprietários faz disso a asua atividade principal, revela um estudo do ISCTE em parceria com a AHRESP

Os alojamentos locais em Lisboa vão adotar um conjunto de "regras voluntárias" e de padrões de serviço para acolher os hóspedes que resulta de um programa lançado pela Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP).

No programa que foi apresentado esta sexta-feira (à semelhança de um projeto já desenvolvido para os restaurantes), a AHRESP divulgou também um estudo da caraterização da oferta de alojamento local, desenvolvido pelo Instituto Superior de Ciências do Trabalho e da Empresa (ISCTE).

Segundo o estudo do ISCTE (que tem como amostra 1777 unidades de alojamento local), a plataforma Booking é utilizada cinco vezes que a Airbnb para fazer reservas diretas de alojamento local em Lisboa, assumindo um peso de 45% (e a Airbnb apenas 9%).

O estudo revela ainda que os edifícios, na sua maioria, estavam desocupados antes de funcionarem como alojamento local em Lisboa e que os seus proprietários têm aqui a sua atividade principal.

Condomínios não são problema para a atividade

Hélia Gonçalves Pereira, professora do ISCTE que coordenou este estudo, frisa ainda que apesar da maioria dos hóspedes em Lisboa ser de camada jovem, com menos de 40 anos, "há uma franja de hóspedes em grande crescimento, com mais de 65 anos".

A rentabilidade é o grande fator que motiva os empresários do alojamento local em Lisboa, que vêem na carga fiscal a principal ameaça, e consideram que os principais problemas são a falta de estacionamento e a preocupação com a limpeza.

"Curiosamente, os empresários não referiram qualquer problema com a vizinhança ou com os condomínios como obstacularizador à atividade", adianta Hélia Gonçalves Pereira.

Além de Lisboa, a AHRESP está a preparar programas e estudos semelhante para o Norte, Alentejo e zona centro.