Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Franceses da Peugeot-Citroen confirmam interesse na compra da Opel

© Peter Andrews / Reuters

O grupo automóvel francês PSA, liderado pelo português Carlos Tavares, confirmou ao Expresso negociações com a General Motors com vista à compra da Opel

O Grupo PSA - Peugeot-Citroën, liderado por Carlos Tavares, "tem mantido contactos com a General Motors (GM) desde 2012 com vista ao desenvolvimento de projetos conjuntos que criam sinergias para os dois conglomerados industriais", revelou ao Expresso uma fonte oficial do Grupo PSA, confirmando que, "nesse âmbito avançaram para conversações mais concretas que incluem a possível aquisição da Opel".

A estratégia do Grupo PSA tem como objetivo "aumentar a sua rentabilidade e a eficiência operacional, pelo que os contactos mantidos com a GM incluíram uma abordagem mais detalhada sobre a possibilidade de negociar a aquisição da marca europeia da GM, a Opel", com sede na Alemanha, em Rüsselsheim, no estado de Hessen.

No entanto, o Grupo PSA considera que o facto de admitir as negociações com a GM não constitui uma garantia ou certeza que a aquisição será concretizada.

Os projetos conjuntos concretizados pela PSA e pela GM "englobam três áreas desenvolvidas para o mercado europeu", que têm "gerado sinergias substanciais e abriram possibilidades adicionais de cooperação" - que agora evoluiram para a "negociação da Opel", explicou ao Expresso a fonte do Grupo PSA.