Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

OPEP diz que produção de petróleo cai 1,3%

Com o corte verificado na produção, a oferta de petróleo no mercado internacional está agora 460.000 barris abaixo da de há uma ano, precisa a OPEP

A produção de petróleo caiu em janeiro 1,3%, indicando que o recente acordo entre numerosos países produtores para estabilizar os preços está a funcionar, confirmou hoje a OPEP.

"Os dados preliminares indicam que a produção mundial de petróleo em janeiro de 2017 caiu 1,29 milhões de barris por dia para uma média de 95,75 milhões de barris. A diminuição resultou de uma menor produção de petróleo dos países da OPEP [Organização de Países Exportadores de Petróleo] e de outros que não pertencem à organização", afirma o grupo petrolífero num relatório emitido hoje na sede da organização em Viena.

Esta queda da produção é, contudo, inferior aos 1,5 milhões de barris por dia aos quais se referiam em finais de janeiro vários ministros da OPEP num encontro realizado em Viena.

Com o corte verificado, a oferta de petróleo no mercado internacional está agora 460.000 barris abaixo da de há uma ano, precisa a OPEP.

Em dezembro último, os 13 países da OPEP e outros 11 grandes produtores acordaram retirar do mercado 1,8 milhões de barris por dia nos primeiros seis meses de 2017.

Este acordo, classificado como “histórico" pelos ministros, procura subir os preços do petróleo pressionados para a baixa durante anos devido ao excesso de oferta.

No relatório de hoje sobre a situação do mercado petrolífero, os analistas da OPEP asseguram que - segundo fontes os países membros da OPEP retiraram em janeiro um total de 890.000 barris de petróleo por dia.