Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Marcelo considera que relatório da OCDE não tem alterações significativas

Marcos Borga

Foi elaborado com números “recolhidos há algum tempo”, sublinha o Presidente da República

O Presidente da República considerou esta segunda-feira que o relatório divulgado pela Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) foi elaborado com números "recolhidos há algum tempo", não revelando alterações significativas.

"Acho que o relatório da OCDE vem na linha da posição anterior da OCDE, portanto é um relatório feito com números recolhidos há já algum tempo e que aponta para no fundo uma linha de continuidade relativamente às previsões da OCDE quanto ao crescimento, quanto ao emprego e quanto à balança de pagamentos", afirmou Marcelo Rebelo de Sousa.

"Não tem alterações significativas", concluiu o chefe de Estado.

Marcelo Rebelo de Sousa falava aos jornalistas durante uma visita às instalações do Colégio Pina Manique da Casa Pia de Lisboa.

A Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) diz que o investimento em Portugal está mais de 30% abaixo do nível de 2005 e antecipa que o desemprego se vá manter nos dois dígitos nos próximos anos.