Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Moedas de Angola e Moçambique entre as que mais se desvalorizaram em 2016

O kwanza e o metical estão entre as 10 moedas nacionais que mais valor perderam em 2016

As moedas de Angola e Moçambique estão entre as dez que mais se desvalorizaram em 2016. O kwanza (Angola) caiu quase 20% e o metical (Moçambique) perdeu mais de 30%, de acordo com os cálculos da agência Bloomberg.

A desvalorização do metical (33%) só é superada pelas moedas da Nigéria, Venezuela, Suriname e Egito. No caso do kwanza (19%), o desempenho foi melhor que o das moedas da Mongólia, Congo e Serra Leoa.

Angola e Moçambique, os dois maiores mercados de influência portuguesa em África, enfrentam um acentuado abrandamento económico. O efeito cambial penaliza as empresas que operam nesses países e lidam com a moeda local.

O Fundo Monetário Internacional prevê que Angola registe este ano um crescimento de 1,5%, enquanto a previsão para Moçambique aponta para 5,5%.