Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Auditoria à gestão da Caixa ainda não avançou, está à espera do Banco de Portugal

Luís Barra

O silêncio do Banco de Portugal em relação ao pedido das Finanças para que seja feita uma auditoria à gestão da Caixa desde 2000 fez com que a administração de António Domingues não tivesse avançado com a mesma

Anabela Campos

Anabela Campos

(texto)

Jornalista

Luís Barra

Luís Barra

(foto)

Fotojornalista

António Domingues adiantou esta quarta-feira no Parlamento, na Comissão de Orçamento, que ainda não está em curso a auditoria à gestão da Caixa, pedida pelo Ministério das Finanças, porque será um processo feito em articulação com o Banco de Portugal (BdP), e o supervisor ainda não deu andamento ao processo.

"Recebi uma carta do ministro das Finanças, a 16 de novembro, a solicitar ao conselho de administração da Caixa para que avancasse com uma auditoria à gestão em articulação com o Banco de Portugal. Comuniquei ao BdP (a decisão do Governo) e não obtive qualquer resposta", afirmou António Domingues. E concluiu: "A auditoria à gestão do banco público não está em curso".

A auditoria independente à gestão da Caixa desde 2000 foi aprovada numa resolução de Conselho de Ministro de 23 de junho.