Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Indicadores económicos esfriam otimismo

Marcos Borga

O crescimento da economia está a perder gás. A síntese de conjuntura regista que “o indicador de atividade económica diminuiu em setembro e outubro, prolongando o perfil descendente anterior”, segundo o Instituto Nacional de Estatística

A síntese mensal do Instituto Nacional de Estatística (INE) divulgada esta quarta-feira é pouco animadora e não subscreve o otimismo do Governo. Os indicadores do INE dizem que a economia estará a perder gás. A síntese de conjuntura regista que "o indicador de atividade económica diminuiu em setembro e outubro, prolongando o perfil descendente anterior".

O indicador de actividade económica é uma medida aproximada da evolução do PIB, sinalizando, por isso, a evolução da economia. O indicador desceu de 1,5% para 1,3% entre agosto e setembro, voltando a abrandar para 0,9% em outubro. O investimento continua a correr mal, mas o consumo interno revela pujança.

Também o indicador de clima económico, que traduz a confiança dos empresários dos principais sectores de atividade, aponta para um agravamento. "O indicador de clima económico diminuiu em outubro e novembro, após ter aumentado nos dois meses precedentes", refere o INE. Já a confiança dos consumidores está em alta e continua a subir.