Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

IGCP aumenta montante da nova emissão de OTRV para 1.500 milhões de euros

O IGCP decidiu aumentar de 500 milhões de euros para 1.500 milhões de euros o montante global da nova emissão de Obrigações do Tesouro de Rendimento Variável destinada ao público em geral

A Agência de Gestão da Tesouraria e da Dívida Pública (IGCP) decidiu aumentar o valor global da emissão de Obrigações do Tesouro de Tendimento Variável (OTRV) com maturidade em novembro de 2021 de 500 milhões de euros para 1.500 milhões de euros.

Tal como sucedeu com as anteriores emissões deste tipo de OTRV, a procura elevada acabou por determinar um aumento do montante a colocar.

Os investidores poderão transmitir as suas ordens de subscrição até às 15H00 do dia 25 de novembro de 2016. "Qualquer investidor poderá revogar ou alterar uma ordem de subscrição já transmitida até às 15H00 do dia 22 de novembro de 2016", refere o prospeto desta operação pública de subscrição.

A oferta garante pagamento de juros semestral, calculados a uma taxa de juro variável e igual à Euribor 6 meses acrescida de 2%, ocorrendo o reembolso do capital em 30 de novembro de 2021.

As ordens podem ser dadas junto de bancos, o que pode trazer encargos para o investidor, com comissões e outros custos.