Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Áustria coloca dívida a 70 anos

Através de uma operação sindicada realizada esta terça-feira, o Tesouro austríaco registou uma procura de €5 mil milhões para um prazo dos mais longos na Europa

Jorge Nascimento Rodrigues

A Áustria realizou esta terça-feira uma operação sindicada de dívida colocando obrigações a 70 anos. O OeBFA, o Tesouro austríaco, registou uma procura de 5 mil milhões de euros para uma colocação com um objetivo de 1,5 a 2 mil milhões de euros, segundo a Reuters. Não são ainda conhecidos mais detalhes.

A estratégia de colocação de dívida de muito longo prazo reforçou-se este ano nas economias do euro, em virtude da queda acentuada dos juros na dívida soberana, abrindo uma oportunidade para este tipo de emissões com taxas de colocação historicamente baixas.

Em 2016, a Bélgica, Espanha, França, Itália e Reino Unido emitiram dívida a 50 anos através de operações sindicadas e a Bélgica e Irlanda realizaram colocações junto de investidores privados de títulos a 100 anos. Esta terça-feira, o Tesouro britânico colocou 4 mil milhões de libras (cerca de 4,5 mil milhões de euros), através de uma operação sindicada, em títulos a vencer em 2065. A procura registou 17 mil milhões de libras.

No prazo a 50 anos, as yields dos títulos austríacos no mercado secundário estão em 1,17%. A título comparativo, as Obrigações do Tesouro (OT) português a 20 anos, registam uma yield de 3,9%. A 6 de abril, o IGCP realizou uma operação sindicada da linha de OT que vence em 2045 colocando 500 milhões de euros, pagando cerca de 4,2% por um título a 30 anos.