Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

DBRS: “O Governo é mais estável do que o esperado”

Nuno Botelho

Nichola James, corresponsável do grupo de ratings soberanos da DBRS, destaca a estabilidade política existente em Portugal. Mas adianta: “Não estamos preocupados mas estamos vigilantes”

A DBRS está surpreendida com a estabilidade política em Portugal mas, apesar de não estar preocupada com o país, vai continuar vigilante, afirma Nichola James, corresponsável do grupo de ratings soberanos da agência canadiana.

"O Governo é mais estável do que o esperado", afirmou ao Expresso, em entrevista telefónica.

Existiam dúvidas sobre as perspetivas e viabilidade futura do governo socialista apoiado pelos partidos de esquerda, Partido Comunista Português e Bloco de Esquerda, face aos desafios de redução do défice público e compromissos no quadro da União Europeia colocados a Portugal.

A DBRS manteve hoje o rating de grau de investimento a Portugal, e reafirmou a perspetiva de 'estável', tal como esperado nos mercados, apesar de alguns analistas temerem que a perspetiva pudesse ser revista em baixo para 'negativo'.

Apesar da manutenção de Portugal acima de 'lixo', a DBRS alerta que Portugal enfrenta desafios significativos.

"Não temos uma visão positiva para Portugal. A perspetiva é 'estável'", alerta Nichola James. "Não estamos preocupados mas estamos vigilantes".

A agência vai seguir com atenção a reação da Comissão Europeia ao projeto de Orçamento do Estado para 2017 e as medidas que sejam ainda adotadas relativas à execução das contas públicas este ano.

E, apesar de reconhecer a estabilidade governativa, entre os temas a que a DBRS vai estar também atenta sobressai o das "dinâmicas políticas" no país.

As implicações para Portugal da saída do Reino Unido da União Europeia também estão na lista de fatores que a DBRS vai verificar na sua análise contínua à situação do país.

A responsável da DBRS também não antevê problemas para Portugal no acesso ao financiamento nos mercados, "desde que continue a consolidação orçamental e o governo se mantenha unido".

  • DBRS mantém rating e perspetiva para Portugal

    A DBRS manteve inalterado o rating de Portugal, acima do nível de 'lixo'. Também não mexeu na perspetiva, que permanece em 'estável'. Mas a agência avisa que Portugal enfrenta desafios importantes