Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

EDP aumentou produção de energia em 15% até setembro

  • 333

D.R.

A elétrica produziu mais eletricidade nos primeiros nove meses deste ano, com a energia hídrica e eólica a representar 68% do volume gerado neste período

Miguel Prado

Miguel Prado

Jornalista

A EDP registou nos primeiros nove meses deste ano um aumento de 15% no volume de energia produzida, impulsionada por um maior volume de recursos hídricos na Península Ibérica e por um crescimento da produção eólica sustentado no reforço da capacidade do grupo nesta área.

Segundo informou a EDP em comunicado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), no período de janeiro a setembro a energia hídrica e eólica representou 68% de toda a eletricidade gerada pelo grupo, com o restante a vir do carvão (apesar de uma quebra face ao ano passado) e das centrais de ciclo combinado alimentadas a gás natural.

Globalmente, a capacidade instalada da EDP para a produção de eletricidade cresceu 2,5% este ano, alcançando 24,5 gigawatts (GW), um reforço que resultou essencialmente dos novos parques eólicos do grupo nos Estados Unidos da América e da entrada em operação de novas barragens em Portugal.

A distribuição de eletricidade em Portugal e Espanha avançou apenas 0,2% face aos primeiros nove meses de 2015, enquanto a distribuição de gás natural na Península Ibérica caiu 4,3% (subindo em Portugal mas descendo em Espanha). Já a distribuição de energia elétrica no Brasil baixou 5% em termos homólogos.