Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Entrada da Fosun no BCP pode estar concluída até novembro

  • 333

Administração tem carta branca dos acionistas para aprovar entrada da Fosun no capital do BCP até 20%

Marcos Borga

Negociações para a Fosun entrar no capital do BCP estão bem encaminhadas. Tudo dependerá de algumas aprovações, uma das quais a do BCE

O grupo chinês Fosun está empenhado em entrar no capital do BCP. E o BCP animado com a entrada de um novo acionista. Tudo está a ser feito para que a operação seja aprovada pelo Banco Central Europeu (BCE) o mais tardar até novembro, se tudo correr como previsto pelas partes, apurou o Expresso. O banco presidido por Nuno Amado precisa de capital e o interesse estratégico da Fosun, reconheceu o banco no comunicado feito há pouco mais de um mês, tem “características suscetíveis de aportar um potencial de cooperação e desenvolvimento sectorial e geográfico”.

Os contactos entre a Fosun e o BCP estão “bem encaminhados”, referiu fonte ligada ao processo. As negociações, sabe o Expresso, têm progredido desde a manifestação de interesse do grupo chinês e é quase certo que estas estejam concluídas até novembro. A seguir ao dossiê da CGD, o BCP será certamente o próximo banco a resolver um dos seus desafios: arranjar um novo investidor. Já quanto à venda do Novo Banco, o desfecho do dossiê tem contornos mais complexos. Não se sabe ainda qual o figurino da operação e quando estará fechado este processo.

Leia mais na edição deste fim de semana