Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Nova administração da CGD entra em funções a 31 de agosto

  • 333

Saídas de trabalhadores serão feitas por reformas antecipadas e por mútuo acordo, garantiu esta quarta-feira o ministro das Finanças numa conferência de imprensa em que explicou o plano de recapitalização da Caixa

O ministro das Finanças anunciou esta quarta-feira, em conferência de imprensa, que a nova equipa da Caixa Geral de Depósitos (CGD) vai entrar em funções a 31 de agosto. Mário Centeno referiu que caberá à nova administração do banco, liderada por António Domingues, a apresentação e implantação do plano de negócios que, garantiu, foi entregue em julho à Comissão Europeia e aprovado logo à primeira.

Mário Centeno referiu também que o acordo com Bruxelas só foi possível porque o governo escolheu uma equipa de gestão com mérito internacional. Explicou que a injeção de 2,7 mil milhões de euros pelo acionista Estado terá impacto no aumento da dívida e implicará um orçamento retificativo se for feito este ano.

Aos trabalhadores o ministro garantiu que o Governo vai eliminar as restrições salariais atuais, sublinhando que as saídas de trabalhadores serão feitas por reformas antecipadas e por mútuo acordo.