Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Lembra-se das PPP? Vem aí mais uma para o Metro do Porto

  • 333

SÉRGIO GRANADEIRO

A nova parceria público-privada está a ser preparada para vigorar a partir de março de 2018

O Governo quer constituir "uma equipa de projeto para dar início ao estudo e à preparação" de uma parceria público-privada (PPP) para a "subconcessão da operação e manutenção do sistema de metro ligeiro na área metropolitana do Porto", refere o despacho 10536/2016, publicado esta terça-feira em "Diário da República". O modelo de PPP para o Metro do Porto será implementado depois de terminar o atual contrato de concessão da ViaPorto - a partir de março de 2018.

A equipa de projeto encarregada de estudar o modelo de subconcessão é presidida por João Almeida Teixeira, que liderou o departamento de Sistemas Técnicos da Metro do Porto, contando também com António Moreira de Sá e Miguel Feliciano Gaspar.

Recorde-se que no passado mês de março, o Metro do Porto e a ViaPorto (controlada pelo grupo Barraqueiro), prorrogaram por dois anos a subconcessão desta operação de transportes.

Antes disso, o Governo de António Costa, anulou o contrato de exploração do Metro do Porto firmado pelos franceses da Transdev com o anterior Governo de Passos Coelho. No passado mês de abril, a Transdev pediu a impugnação da anulação do contrato de subconcessão que tinha firmado no fim do anterior Governo.