Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Boa vista e sol podem fazer subir IMI

  • 333

João Carlos Santos

Imóveis que forem reavaliados poderão sofrer um aumento do Imposto Municipal sobre Imóveis

Tem uma casa virada a sul – logo, ensolarada – e vista para o mar? Então isso poderá significar mais custos no futuro, já que estas duas circunstâncias deverão constar da nova fórmula de cálculo do valor patrimonial tributário dos imóveis, avança esta segunda-feira o “Jornal de Negócios”.

De acordo com o diário, em causa está uma alteração ao coeficiente de “localização e operacionalidade relativa”, que faz parte do “coeficiente de qualidade e conforto” na avaliação dos imóveis e que deverá ter efeitos no Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI).

Esses aspetos, que até agora faziam oscilar o valor do imóvel até 5%, poderão aumentar o preço até 20% ou reduzi-lo até 10%. Isto no caso das habitações que forem reavaliadas.

Essa mudança consta de um diploma que já foi promulgado pelo chefe de Estado e deverá ser publicado em breve em “Diário da República.”

Haverá também mudanças ao nível do IRS, IVA ou imposto de selo, segundo o “Jornal de Negócios”.