Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Como evitar as filas no supermercado?

  • 333

Nuno Gama, diretor de inovação e tecnologias do futuro da Sonae, diz que um dos destaques de 2015 é a aplicação “Tira-vez”

Rui Duarte Silva

Em 2015, a Sonae investiu €12,5 mil por hora em inovações no retalho, com produtos, marcas e tecnologia

À entrada do hipermercado, o cliente pega no telemóvel, seleciona a aplicação certa e pode, de imediato, tirar a senha de atendimento para diferentes serviços, da charcutaria ao talho ou peixaria, de forma a gerir de forma eficiente o seu circuito de compras. No mesmo momento, fica a saber quantas pessoas estão à sua frente em cada secção. A margem de tolerância para eventuais atrasos é de três números, como para quem tira as tradicionais senhas em papel, e o alerta quando faltarem apenas três números para a sua vez está garantido. Depois, basta mostrar o ecrã do aparelho.

“Tira-vez” é o nome desta solução made in Sonae para responder ao desafio das filas e do tempo de espera quase obrigatório em alguns serviços-chave dos hipermercados e é um dos exemplos destacados no ‘Livro de Inovação’ para a área do retalho do grupo em 2015.

O objetivo é manter o ADN inovador da casa e melhorar padrões de atendimento, mas também ajudar a Sonae a “atingir novos patamares na performance do negócio no retalho alimentar (Sonae MC) e especializado (Sonae SR) , com redução de custos, aumento de receitas e ganhos de eficiência”, explica Nuno Gama, diretor de inovação e tecnologias do futuro do grupo.

Leia mais na edição deste fim de semana