Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

André Macedo integra direção da RTP, Baldaia assume liderança do “DN”

  • 333

André Macedo vai ser diretor-adjunto da RTP com o pelouro da informação económica. Administração da Global Media define sucessão na direção do "Diário de Notícias" no dia em que perde o diretor da TSF para o "Público"

O diretor do “Diário de Notícias”, André Macedo, vai integrar a direção de informação da RTP, com o cargo de diretor-adjunto com o pelouro da informação económica. A entrada em funções de Macedo no operador público deverá ocorrer em agosto, depois de concluído o período que negociou com a administração da Global Media para abandonar a direção do “DN”.

Segundo apurou o Expresso, a direção do “DN” deverá a partir de então ser ocupada pelo jornalista Paulo Baldaia. A escolha do ex-diretor da TSF – rádio que também pertence à Global Media – ficou fechada esta quinta-feira numa reunião do Conselho de Administração do grupo. O nome do jornalista deverá ser apresentado esta sexta-feira ao Conselho de Redação do jornal.

A demissão de André Macedo da direção do “DN” tinha sido anunciada pelo próprio no início deste mês e vai ser formalizada sensivelmente dois anos depois de o jornalista ter assumido a direção do diário, em substituição de João Marcelino.

A escolha de Paulo Baldaia para suceder a André Macedo significa o regresso do ex-diretor da TSF à direção de um meio de comunicação da Global Media escassos cinco meses depois de ter abandonado, por sua iniciativa, a direção da rádio.

Baldaia assumiu entretanto a direção de projetos especiais da Global Media e foi substituído na liderança da TSF por David Dinis, ex-diretor do jornal digital Observador. Curiosamente, a reunião do Conselho de Administração da Global Media que aprovou o nome de Baldaia para novo diretor do “DN” ocorreu no dia em que foi noticiada pelo Expresso – e confirmada depois pela administração da Sonaecom – a contratação de David Dinis para assumir o cargo de diretor do “Público”.

Segundo informações recolhidas pelo Expresso, a saída de David Dinis da TSF apanhou de surpresa a administração e os acionistas da Global Media, nomeadamente pelo facto de Dinis ter assumido funções na direção daquela estação há apenas quatro meses.

A sucessiva saída de quadros diretivos da Global Media nos últimos meses está, de resto, a gerar alguma apreensão na estrutura acionista da empresa. Além de Baldaia, Macedo e Dinis, demitiram-se também este ano o administrador com o pelouro financeiro do grupo Pedro Coimbra e, mais recentemente, o subdiretor do “DN” Nuno Saraiva. Fonte da empresa garante, no entanto, que todas estas saídas resultaram de processos normais de recrutamento no mercado e que não colocam em risco a estabilidade da empresa e dos seus projetos.

Sobre a escolha da próxima direção da TSF, a mesma fonte assegura que o sucessor de David Dinis será anunciado até dia 31 de julho, data para a qual ficou agendada a saída formal de Dinis.