Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Vila Galé apela a “puxar pelo interior do país”

  • 333

HOTEL NO CAMPO. Jorge Rebelo de Almeida, presidente do grupo Vila Galé, no seu hotel no concelho de Beja onde também produz fruta, vinho ou azeite

paulo vaz henriques

Grupo hoteleiro português celebra 30 anos e “nesta fase boa do turismo” exorta os empresários a investir em zonas mais desertificadas do país

“Estamos a cavalgar uma onda boa no turismo, e é um dever de todos nós, empresários, dinamizar o interior de Portugal. Temos um território tão pequeno, mas tão bonito, com regiões no norte, no Alentejo e todo o interior do país que precisam efetivamente de ser acarinhadas, e nesta fase temos todos de puxar por isso”, salientou Jorge Rebelo de Almeida, presidente da Vila Galé, na cerimónia que assinalou os 30 anos do grupo hoteleiro português, a 30 de maio em Lisboa.

“Olhar o interior”, segundo Jorge Rebelo de Almeida, “é uma obrigação de todas as empresas no país que estão bem do ponto de vista financeiro, até numa perspetiva de responsabilidade social”.

“Agora que estamos a receber todos estes turistas, temos de levar esta gente a conhecer o interior”, enfatizou o hoteleiro, defendendo que neste âmbito se deviam criar “comboios históricos” com percursos a norte e a sul de Lisboa. “Temos de empurrar gente que vem a Lisboa para o Alentejo ou o Algarve. Ando a vender a ideia de comboios históricos, em particular com uma linha que vá de Lisboa a Évora e Beja e até ao Algarve, e outra que vá para Vila Nova da Barquinha ou Constância. É algo que os turistas iriam gostar bastante”.

VALÉ DOURO O grupo abriu no ano passado um hotel em Lamego, que resultou da aquisição e reconversão do insolvente ex-Douro River Hotel

VALÉ DOURO O grupo abriu no ano passado um hotel em Lamego, que resultou da aquisição e reconversão do insolvente ex-Douro River Hotel

Atualmente com uma coleção de 20 hotéis em Portugal e no Brasil, totalizando 13.068 camas, o grupo Vila Galé afirma estar “ativamente à procura de mais um hotel em Lisboa”, projeto que irá envolver a reabilitação de um edifício com valor patrimonial.

Mas Jorge Rebelo de Almeida assume também estar de olho em projetos e oportunidades que surjam no interior do país. Recorde-se que além de ter aberto no ano passado um hotel em Évora e outro no Douro (este último resultando da aquisição e reconversão do falido ex-Douro River Hotel, em Lamego), o grupo tem um hotel rural no concelho de Beja, o Vila Galé Clube de Campo, onde também desenvolve agricultura em escala, designadamente na produção de vinho, azeite, fruta ou carne para comercialização.

VILA GALÉ ALBACORA. O recente investimento no hotel em Tavira envolveu a renovação da piscina interior e de vários quartos

VILA GALÉ ALBACORA. O recente investimento no hotel em Tavira envolveu a renovação da piscina interior e de vários quartos

Grupo prevê retorno em quatro anos do investimento a renovar hotéis

O grupo Vila Galé acabou de concluir um programa de remodelações dos seus hotéis em Portugal, que envolveu investimentos totais de 7 milhões de euros.

“Todos os anos fazemos renovações nos nossos hotéis, mas o investimento realizado em 2016 foi um dos mais elevados de sempre”, sublinha o presidente da Vila Galé.

VILA GALÉ AMPALIUS. O hotel do grupo em Vilamoura passou a ter um 'sunset lounge'

VILA GALÉ AMPALIUS. O hotel do grupo em Vilamoura passou a ter um 'sunset lounge'

Este ano, o pacote de remodelações envolveu nove hotéis Vila Galé a nível nacional. Aproveitando o período de época baixa, para não afetar a operação turística, o programa de obras decorreu no período de inverno e foi concluído no final de abril.

“Nós todos temos de melhorar a oferta turística em Portugal”, sustenta Jorge Rebelo de Almeida, prevendo o retorno do investimento feito em remodelações (7 milhões de euros) no prazo de quatro a cinco anos.

“O principal impacto deste investimento será, sobretudo, valorizar a marca, e neste sentido melhorar a oferta é algo que vale mesmo a pena”, frisa o presidente da Vila Galé, referindo que as melhorias introduzidas nos hotéis também irão permitir subir o preço médio, e assim elevar as receitas globais.

VILA GALÉ LAGOS. A piscina infantil do hotel do Algarve tem agora mais escorregas e 'slide'

VILA GALÉ LAGOS. A piscina infantil do hotel do Algarve tem agora mais escorregas e 'slide'

Os hotéis do Algarve foram um alvo preferencial no programa de remodelações da Vila Galé em 2016. No hotel Albacora, em Tavira (onde funcionou um antigo arraial de pesca de atum) foi renovada a piscina interior e todos os quartos ficaram remodelados. A intervenção no hotel Ampalius, em Vilamoura, envolveu toda a área de receção, restaurante e corredores dos quartos, tendo sido criado um 'sunset lounge', espaço exterior para apreciar o pôr do sol.

VILA GALÉ ÓPERA. Hotel do grupo em Lisboa tem novos 'lounges', numa remodelação que incluiu a própria fachada

VILA GALÉ ÓPERA. Hotel do grupo em Lisboa tem novos 'lounges', numa remodelação que incluiu a própria fachada

No hotel Vila Galé Lagos a aposta centrou-se em criar mais atrações para crianças, com destaque para o 'slide' e novos escorregas na piscina infantil, para dar resposta à clientela crescente de famílias com filhos.

Nos dois hotéis do grupo em Albufeira também foram introduzidas melhorias: o Cerro Alagoa passou a ter um Spa Satsanga e no Vila Galé Atlântico ficou concluída a remodelação dos quartos, além de se ter requalificado o clube de saúde e de se ter construído um espaço para crianças, designado Clube Nep.

VILA GALÉ ERICEIRA. A remodelação do hotel incluiu o restaurante, que passou a ter cozinha ao vivo

VILA GALÉ ERICEIRA. A remodelação do hotel incluiu o restaurante, que passou a ter cozinha ao vivo

Com 'cara nova', ficaram também os hotéis Vila Galé Ópera, em Lisboa (a obra que envolveu a requalificação da fachada também passou pelo restaurante Falstaff e a criação de novos 'lounges' na zona exterior) e o Vila Galé Porto (onde todos os quartos foram remodelados, o clube de saúde foi reconvertido num Spa Satsanga e o restaurante Paris-Texas teve um 'up-grade').

As melhorias estenderam-se ao hotel rural do grupo no concelho de Beja, o Vila Galé Clube de Campo (agora com uma nova piscina infantil com escorregas e os quartos todos renovados), a par do hotel do Estoril e do Vila Galé Ericeira (que além da nova receção ficou com o restaurante reformulado, passando a ter cozinha ao vivo).

VILA GALÉ PORTO O clube de saúde do hotel subiu a fasquia e passou a ser um Spa Satsanga

VILA GALÉ PORTO O clube de saúde do hotel subiu a fasquia e passou a ser um Spa Satsanga

Com a coleção de hotéis agora “refrescada” e pronta a mais uma vaga positiva de turismo, a Vila Galé assinalou 30 anos de atividade com a promessa, nas palavras do seu fundador e presidente, que “não vamos parar, e estamos neste momento a preparar um pacote de coisas importantes para o país”.

Defensor da criação de um grande Museu dos Descobrimentos em Portugal, capaz de “projetar a nossa imagem a nível internacional”, Jorge Rebelo de Almeida assume que “empurrar o interior do país” é uma bandeira para os anos mais próximos, e sustenta que “o turismo equestre também é algo que o país devia pôr na agenda”.