Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Desemprego manteve-se nos 12% em abril

  • 333

Tiago Miranda

A taxa de desemprego estimada para abril de 2016 manteve-se inalterada. Desemprego jovem fica abaixo dos 30%

A taxa de desemprego situou-se nos 12% no último mês de abril, mantendo-se inalterada face ao mês anterior, de acordo com a estimativa provisória divulgada esta segunda-feira pelo Instituto Nacional de Estatística (INE). Contudo, este valor demonstra um recuo de 0,8 pontos percentuais face ao mesmo período homólogo de 2015, quando a taxa se fixou nos 12,8%.

“A estimativa provisória da população desempregada para abril de 2016 foi de 609,8 mil pessoas, o que representa um decréscimo de 0,4% face ao valor definitivo obtido para março de 2016 (menos 2,5 mil pessoas)”, refere o INE.

Em abril, a taxa de desemprego das mulheres (12,1%) excedeu a dos homens (12%), com ambas a recuarem 0,1 pontos percentuais face a março.

A taxa de desemprego nos jovens continua em queda. Situou-se nos 29,9% em abril. Em março, estava nos 31%. Em abril de 2015, fixava-se nos 31,7%.

Já a taxa desemprego dos adultos fixou-se nos 10,6%, menos 0,1 pontos percentuais face a março.

Por outro lado, a estimativa provisória da população empregada, foi de 4.485,0 mil pessoas, “mantendo-se praticamente inalterada em relação ao mês anterior”.

Para estas estimativas foi considerada a população dos 15 aos 74 anos e os valores foram previamente ajustados de sazonalidade.

As estimativas mensais são referentes a trimestres móveis centrados, em que o mês de referência corresponde ao mês central de cada um desses trimestres. Assim, o mês de referência do relatório publicado esta segunda-feira pelo INE, corresponde, na verdade, ao mês central do trimestre composto pelos meses de março a maio de 2016.