Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Bolsa de Lisboa abre sem tendência definida

  • 333

O PSi-20 abriu a cair uns ligeiros 0,04%, mas já virou para o verde

O principal índice bolsista, o PSI-20, abriu esta segunda-feira no vermelho, caindo 0,04%, dando início a uma sessão pouco alterada, já que às 8h30, seguia já no verde, mas também a subir outros ligeiros 0,04%.

A Sonae Capital, a Pharol e a Corticeira Amorim são as cotadas que mais sobem, as três acima de 1%. Jerónimo Martins, Galp Energia, BCP e EDP Renováveis estão no vermelho, com quedas que oscilam entre os 0,75% e os 0,25%.

A sessão portuguesa está em linha com a maioria dos mercados europeus, que também seguem pouco alterados, com ganhos e recuos muito ligeiros. Esta segunda-feira, a praça de Londres está fechada a negociações, assim como a Bolsa de Nova Iorque, já que hoje se cumpre o feriado do Memorial Day.

Estes comportamentos pouco alterados têm marcado os mercados europeus nos últimso dias. Na sexta-feira, a Bolsa de Lisboa encerrou a sessão a com uma pequena descida de 0,06% no índice PSI20, que ficou em 4.961,16 pontos, num dia de subidas ligeiras nas principais praças europeias.

Das 18 cotadas que atualmente integram o PSI20, oito desceram, nove subiram e uma ficou inalterada. A Semapa liderou as descidas (-2,13%), enquanto a Pharol foi a que mais subiu (3,05%).

Na Europa, Paris subiu 0,05%, Londres ganhou 0,08% e Frankfurt avançou 0,13%. A bolsa espanhola subiu 0,31%, apesar da nova queda do Banco Popular, que na quinta-feira registou uma descida acentuada depois de ter anunciado um aumento de capital.