Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Crise no Banif fez aumentar depósitos na Caixa

  • 333

O presidente da Caixa Geral de Depósitos, José de Matos

FOTO PAULO ALEXANDRINO

No primeiro trimestre, a Caixa Geral de Depósitos captou mais 462 milhões de euros, beneficiando da desconfiança gerada pela resolução do Banif

A desconfiança gerada pela queda do Banif foi benéfica para a Caixa Geral de Depósitos (CGD). Nos três primeiros meses de 2016,o banco do Estado captou 462 milhões de euros em depósitos, conta o “Jornal de Negócios” esta sexta-feira. Esta é a segunda vez que a CGD beneficia, de forma indireta, da queda um banco: o mesmo movimento já se verificara com o colapso do BES, em julho de 2014.

Tal como o Expresso já tinha noticiado, durante o primeiro trimestre de 2016, o banco teve 74,2 milhões de euros de prejuízos, devido a perdas com a dívida pública.

Recorde no último trimestre de 2015

Ao todo, a CGD tem neste momento em depósito de clientes 73,46 mil milhões de euros. Já no último trimestre de 2015, a CGD registara um valor recorde de crescimento de depósitos: 2.357 milhões. Neste primeiro trimestre, a subida foi apenas um quarto deste valor.

É preciso lembrar, então, que o Banif foi alvo de uma medida de resolução a 20 de dezembro. Cerca de mil milhões de euros de poupanças terão passado, na semana anterior à resolução, do Banif para a Caixa.