Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

CaixaBank deve entregar hoje registo da OPA ao BPI

  • 333

Gustau Nacarino / Reuters

Vinte dias após o anúncio preliminar da oferta publica de aquisição do CaixaBank ao BPI, termina esta segunda-feira o prazo para o registo da mesma

O prazo para o espanhol CaixaBank, maior acionista do BPI com 44,1% do capital, registar a OPA sobre o BPI termina esta segunda-feira, dia 9 de maio, segundo refere o "Diário Económico" online. O registo deverá ser entregue na Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

O pedido de registo e prospecto da OPA deve ser entregue 20 dias depois do anúncio preliminar da mesma. Depois disso, o BPI terá oito dias depois do registo da OPA, nos termos da lei, para se pronunciar sobre a mesma. Ou seja, a administração do BPI terá de divulgar publicamente sobre a oportunidade e as condições da mesma, nomeadamente sobre o preço oferecido pelo maior acionista.

Segundo apurou o Expresso, o prazo que termina esta segunda-feira apenas poderá ser prolongado se o regulador tiver pedido mais informações que justifiquem o seu adiamento. Isto porque o registo da OPA implica a aprovação do prospeto.

O banco espanhol oferece €1,113 por ação e é expectável que a segunda maior acionista, a Santoro de Isabel dos Santos, com 18,6% do capital do BPI, considere o preço baixo.

Ainda assim, o sucesso da OPA está condicionado ao fim dos limites de direito de voto (blindagem dos estatutos do BPI a 20%), que o banco apenas poderá desbloquear a partir de 1 de julho, na sequência do decreto-lei que permite à gestão do banco presidido por Fernando Ulrich colocar termo a esta blindagem e, com isso, facilitar o sucesso da oferta do CaixaBank.