Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Em Famalicão exportam os que lá estão

  • 333

A Inovafil, da Mundifios, investiu €10 milhões para produzir fios com valor acrescentado. Tem capacidade para 140 toneladas/mês

Rui Duarte Silva

Os dois motores do concelho estão na Continental Mabor e nos têxteis, mas a aposta é criar um ADN multissectorial

No coração do Vale do Ave, Famalicão impõe-se como o terceiro concelho mais exportador do país. É um título a que junta a medalha de prata no saldo da balança comercial, com €804 milhões. Para isso conta com o contributo da fileira têxtil e de um grupo de empresas alemãs onde se destaca a Continental Mabor. Mas a sua estrutura industrial é diversificada, do sector agroalimentar, a querer afirmar-se como cluster, à metalurgia ou aos moldes.


FORÇA TÊXTIL
10% das exportações do sector sai de Famalicão

O PESO DO AGROALIMENTAR
Há um centro de competências para as carnes pronto a nascer

O CONTINGENTE ALEMÃO
A Continental Mabor lidera um bloco de capital germânico


Leia mais na edição deste fim de semana