Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Ações do BPI regressam à negociação a perder 7,4%

  • 333

Nuno Fox

Comissão do Mercado de Valores Mobiliários levantou suspensão de ações do banco que vigorava desde 11 de abril, depois de o BPI ter esclarecido que não está a ser alvo de nenhuma sanção por parte do Banco Central Europeu

A Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) retirou a suspensão da negociação das ações do BPI, depois de o banco ter publicado um comunicado esclarecendo algumas questões pendentes.

No regresso à negociação, pelas 15h, as ações do banco foram negociadas a 1,104 euros, registando perdas de 7,4%. Recorde-se que o CaixaBank, que tem 44,1% do BPI, anunciou esta segunda-feira uma oferta pública de aquisição (OPA) sobre o banco oferecendo 1,113 euros por ação.

O BPI esclareceu que “não está, neste momento, a ser sujeito a qualquer sanção pecuniária temporária do Banco Central Europeu (BCE)” pelo facto de não haver ainda uma solução para reduzir a exposição do BPI a Angola.