Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Marques Mendes: desblindagem do BPI é de “uma violência enorme” para Isabel dos Santos

  • 333

Para o comentador social-democrata, António Costa “fez bem” em avançar com um Plano B e tem autoridade para tal. Governo anterior já tinha ponderado esta solução, mas à época Marcelo e Costa eram contra

António Costa "fez muito bem" em aprovar o decreto que permite a desblindagem dos estatutos do BPI, de forma a promover uma oferta pública de aquisição, defende Luís Marques Mendes, que falava no seu espaço de comentário televisivo na SIC, no domingo à noite.

Isabel dos Santos não irá, certamente, ficar contente com esta medida. É de "uma violência enorme contra Isabel dos Santos", afirmou Mendes, explicando que esta vai ver a sua posição no BPI muito desvalorizada.

Marques Mendes revelou ainda que no Governo de Passos Coelho esta possibilidade já tinha sido estudada, mas "este Governo [de António Costa] e este Presidente da República [Marcelo Rebelo de Sousa] acharam que era melhor que as partes se entendessem." Tal veio (e não veio) a acontecer, como já sabemos. Para o comentador televisivo, se António Costa tivesse tentado esta opção, antes do acordo inicial, diriam que era "um ato de hostilidade, assim tem a autoridade de quem tentou resolver a bem”.

Este não será também um problema de resolução rápida. "A aplicação deste decreto vai demorar meses", explicou Luís Marques Mendes, e a prejudicada será a a acionista angolana.“A desblindagem vai demorar, mas vai ser feita e quando for feita a posição que ela tem hoje no no banco vai valer menos do que a que tinha”, disse.