Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Bolsa de Lisboa abre no vermelho

  • 333

O índice de referência da bolsa portuguesa, o PSI20, abriu hoje a cair 0,20%

A Bolsa de Lisboa abriu esta sexta-feira em terreno negativo, com o PSI20, o índice de referência, a cair 0,20%, para os 5.016,70 pontos.

Na quinta-feira, a Bolsa de Lisboa encerrou em alta pela quinta sessão consecutiva, com o PSI20 a subir uns ligeiros 0,42% para 5.027,00 pontos, com os títulos do banco BCP e da operadora Nos a liderarem os ganhos.

Entre as 18 cotadas que integram o PSI20, nove ganharam valor, o Montepio fechou inalterado (nos 0,58 euros) e sete desvalorizaram. O BPI não transacionou pelo quarto dia consecutivo por as ações estarem suspensas enquanto não forem conhecidas mais novidades do acordo entre os seus principais acionistas, o espanhol Caixabank e a angolana Santoro, para reduzir exposição excessiva do banco a Angola.

Já no Japão, a bolsa de Tóquio encerrou a sessão de hoje em baixa, com o principal índice, o Nikkei, a perder 63,02 pontos, ou 0,37%, cotando-se nos 16.848,03 pontos. Também o segundo indicador, o Topix, fechou a recuar 9,95 pontos, ou 0,72%, até aos 1.361,40 pontos.

O índice Nikkei reflete a média não ponderada dos 225 valores vedeta da Bolsa de Tóquio, enquanto o indicador Topix agrupa os valores das 1.600 maiores empresas cotadas.

Entretanto, a principal praça financeira da China, a bolsa de Xangai, fechou hoje a cair 0,14%, para 3.078,12 pontos. Shenzhen, a segunda praça financeira do país, recuou 0,35%, para 10.733,64 pontos.

O ChiNext, o índice chinês dedicado às pequenas e médias empresas locais e inspirado no norte-americano Nasdaq, caiu 0,63% para 2.309,68 pontos.