Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Saldo orçamental positivo de €15 milhões até fevereiro

  • 333

Marcos Borga

O Estado português arrecadou 6.292 milhões de euros em impostos até fevereiro, o que equivale a uma quebra de 1,3% face a igual período do ano passado

As administrações públicas registaram, em contabilidade pública, um excedente de 15,2 milhões de euros até fevereiro, valor que compara com um défice de 229,3 milhões registado no mesmo período de 2015, segundo a Direção-Geral de Orçamento (DGO).

De acordo com a síntese de execução orçamental até fevereiro, divulgada esta quinta-feira pela DGO, esta evolução "é explicada pelo aumento da receita (2,9%) superior ao aumento da despesa (0,9%)".

O Estado arrecadou 6.292 milhões de euros em impostos nos primeiros dois meses deste ano, o que representa uma queda de 1,3% face ao mesmo período do ano passado, de acordo com a DGO.

De acordo com a síntese da execução orçamental até fevereiro, hoje divulgada pela DGO, esta evolução da receita fiscal deveu-se à subida de 2,6% da receita dos impostos diretos (para os 2.458,5 milhões de euros), que acabou por ser anulada pela queda de 3,6% da receita arrecadada com os impostos indiretos (para os 3.833,5 milhões de euros).