Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Bancos ainda têm de cortar despesas, diz estudo da Morgan Stanley

  • 333

Os bancos europeus vão manter desempenhos inferiores aos das instituições norte-americanas, refere o relatório

Os bancos de investimento ainda terão de fazer cortes significativos nas despesas, especialmente os europeus, para fazer face à queda de receitas e melhorar a rentabilidade, alerta um estudo conjunto da Morgan Stanley e Oliver Wyman, citado pela Reuters.

As consultoras referem que os bancos europeus vão manter desempenhos inferiores aos das instituições norte-americanas, e que "isso vai aumentar a pressão sobre os bancos para diminuir custos, reduzir a escala e/ou sair de áreas de fraco retorno". Os planos de reestruturação que já estejam em marcha, dizem, "provavelmente terão de ser refinados".

O relatório afirma ainda que uma remodelação nos modelos de operação e o corte nos custos podem melhorar o retorno de receitas dos bancos em cerca de 2%-3%, mas que esse retorno demoraria pelo menos três anos.