Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Vodafone elimina “roaming” na União Europeia para pós-pagos

  • 333

Empresa anuncia as condições em que os clientes podem usufruir da medida

O fim do "roaming", tarifa cobrada para fazer chamadas e aceder a dados no telefone móvel quando se está num país diferente daquele em que se subscreve o serviço, está em discussão e a Vodafone decidiu criar uma oferta que antecipa a provável mudança. A multinacional britânica vai abolir as tarifas de roaming para os clientes que subscrevam o tarifário Vodafone Red ou um dos serviços de pacotes convergentes (voz, TV e Internet).

A eliminação da tarifa aplicar-se-á apenas aos países da União Europeia. Abrangerá chamadas telefónicas, mensagens de texto e utilização de dados. "Está sujeita a uma política de utilização responsável", lê-se no comunicado da Vodafone. Ou seja, o cliente não pode estar o dia inteiro a usar o serviço. A empresa não especifica quais os limites da utilização.

Quem tiver já o tarifário Vodafone Red ou os pacotes convergentes terá de fazer uma atualização, o que significa que terá de pagar um pouco mais para ter este serviço. Os pré-pagos estão excluídos deste serviço, ou seja, não têm acesso ao "roaming" gratuito.

A ANACOM, o regulador das telecomunicações, tem defendido que a abolição das tarifas de roaming é penalizante para os operadores dos países em que os cidadãos viajam menos e recebem mais turistas, como é o caso de Portugal. E tem alertado para a possibilidade de haver uma pressão adicional no futuro para subir os preços dos clientes.