Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Trabalhadores do “Diário Económico” pedem ajuda aos portugueses

  • 333

Trabalhadores do “Diário Económico” apelaram à sociedade portuguesa para ajudar a dar continuidade ao projeto, comprando o jornal, acedendo ao site ou vendo o EconómicoTV

Os trabalhadores do "Diário Económico" apelaram esta terça-feira aos portugueses para apoiarem o projeto e decidiram assumir a sua continuidade e acreditam terem condições para prosperar e contribuir para o pluralismo da sociedade portuguesa.

A administração do "Diário Económico" (DE) admitiu esta terça-feira um cenário de insolvência da empresa num plano de continuidade do jornal, prometendo até quinta-feira dar a conhecer aos trabalhadores as consequência deste cenário e do Processo Especial de Revitalização (PER).

Após um plenário, a Comissão Instaladora da Comissão de Trabalhadores publicou na página do DE na Internet um apelo "à sociedade portuguesa para que ajude a dar continuidade a este projeto líder da informação económica, comprando o "Diário Económico", acedendo ao economico.pt e seguindo o Etv".

No comunicado, os trabalhadores afirmam que vão continuar a trabalhar diariamente "com a mesma qualidade, seriedade e profissionalismo que sempre demonstraram".

"Os trabalhadores decidiram assumir a continuidade do projeto e a viabilidade da marca, já que acreditam que esta tem condições para voltar a prosperar e a contribuir de forma decisiva para o pluralismo da sociedade portuguesa", acrescentam.

  • Administração do “Diário Económico” admite insolvência

    Direção do jornal já escreveu à administração a pedir solução urgente para o jornal. Salários em atraso são um dos problemas mais graves no seio da redação. “A redação não tem condições para continuar a assegurar produtos com a qualidade a que os leitores e telespetadores do Económico estão habituados”