Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Governo aprova projetos de energia solar sem subsídios

  • 333

Secretário de Estado da Energia revela no Parlamento que o Executivo já começou a dar luz verde a centrais solares que não receberão tarifas subsidiadas

Miguel Prado

Miguel Prado

Jornalista

O Governo aprovou nos últimos meses um conjunto de projetos de energia solar que somarão uma potência de 180 megawatts (MW) e que não irão beneficiar de tarifas subsidiadas.

A informação foi avançada está quarta-feira no parlamento pelo secretário de Estado da Energia, Jorge Seguro Sanches. "Nos últimos meses foram aprovados 180 MW de potência solar que não é subsidiada e que venderá a sua energia em mercado", afirmou o governante.

Na Assembleia da República Jorge Seguro Sanches lembrou que "durante muitos anos habituámo-nos a que a fixação da tarifa das energias renováveis fosse sempre através de subsidiação".

No Parlamento, o secretário de Estado sublinhou ainda que no âmbito dos esforços para reduzir a dívida tarifária do sector elétrico o Governo decidiu recentemente executar as garantias bancárias relativas a duas centrais termoelétricas que nunca saíram do papel. Os 18 milhões de euros dessas garantias servirão para abater à dívida tarifária, que ronda ainda os 4,8 mil milhões de euros.