Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Há uma app nacional de partilha de emoções que dispensa palavras

  • 333

A Thoughts Feel Good tem 2000 downloads desde janeiro e pôs os portugueses a partilhar três mil pensamentos por semana

Catarina Nunes

Se quer dizer a alguém que está a pensar nela esqueça o telefone ou as menagens de texto. A aplicação Thoughts Feels Good, que está no top 10 das apps gratuitas de redes sociais, foi criada por Diogo Sousa e Melo, como resposta à necessidade de ter uma ferramenta que permitisse, em tempo real, partilhar emoções.

A Thoughts Feels Good foi lançada a 21 de janeiro e, de acordo com os dados divulgados pela startup com o mesmo nome que comercializa esta aplicação, os portugueses estão a trocar, em média, três mil pensamentos por semana. No total foram feitos até agora 2000 downloads. "A ideia surgiu depois de ter vivido três experiências mundanas, ocorreram todas muito perto umas das outras, e um dia acordo com uma epifania de que havia algo em comum nessas três experiências, que deveria de haver uma forma de comunicação que nos permitisse dizer aos nossos amigos, de uma forma instântanea, que estamos a pensar neles naquele momento, sem ter de fazer chamadas, enviar mensagens ou escrever uma única palavra", recorda Diogo Sousa e Melo, designer e fundador da Thoughts Feels Good.

Para chegar da ideia à prática foi preciso quase um ano de trabalho e 34 mil euros, dos quais uma parte tem origem em capitais próprios e a restante maioria foi angariada junto de um grupo que Diogo apelida de FFF (family, friends and fools - família, amigos e loucos). No curto prazo, a ideia é continuar a investir – um valor que ainda não foi contabilizado, nomeadamente na correção de bugs e na optimização da aplicação. "A médio prazo queremos continuar a desenvolver o produto e lançar atualizações com novas funcionalidades", avança Diogo Sousa e Melo.

A aplicação recorre apenas a emojis e o boneco mais utilizado é o beijinho que pisca o olho, seguido pela mão em hang loose (dedo indicador e mindinho para cima). "Gostariamos de acrescentar pelo menos mais outros 14 emojis até meio deste ano, ainda estamos a estudar quais são", avança.

Para já, esta aplicação é gratuita mas a ideia, no futuro, é começar a introduzir publicidade. "Queremos introduzi-la de uma forma que se torne parte integrante da App e que não seja vista como um elemento estranho e a mais, o que normalmente piora a experência de utilização", explica o responsável da Thoughts Feels Good. A introdução de IAP's (In App Purchases) é outra das formas através da qual esta aplicação vai ser rentabilizada, com este sistema de cobrança pós-download.