Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Mário Centeno. “A credibilidade de um Orçamento faz-se quando ele é cumprido”

  • 333

O ministro das Finanças voltou esta noite a defender o rigor do Orçamento apresentado pelo Governo. “É exigente”, mas “as contas apresentadas resultam de números muito bem avaliados”, garantiu

O ministro das Finanças, Mário Centeno, afirmou esta noite que “a credibilidade de um Orçamento faz-se quando ele é cumprido“ e garantiu que é nesse objetivo que se quer concentrar. “ É um Orçamento exigente“, disse Centeno, mas “o nosso plano A é executá-lo”.

Entrevistado durante o Jornal da Noite, na Sic Notícias, o ministro das Finanças recusou que o cálculo do défice em 2,2% seja demasiado otimista. Mário Centeno defendeu que “as contas apresentadas resultam de números muito bem avaliados e de um exercício de projeção rigoroso”.

Questionado sobre se o Orçamento consagra uma austeridade de esquerda, como têm vindo a ser apelidado o conjunto de medidas apresentadas, o ministro começou por afirmar: “Não sei que conceito é esse“. Acrescentou, porém, que as opçõesagora apresentadas resultam num alívio fiscal “para as famílias da classe média e para as empresas”, para concluir que “é difícil tomar medidas que anulem financeiramente aquilo que foi o Orçamento do Estado de 2015”.