Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Gasolina e gasóleo descem

  • 333

Marcos Borga

A queda do valor do petróleo explica a primeira redução deste ano, que pode não ficar por aqui

Consequência da queda continuada do valor do petróleo, a semana começa com uma descida dos preços dos combustíveis, com a gasolina a baixar até 4,5 cêntimos por litro e o gasóleo a ficar mais barato 3,5 cêntimos. Nas marcas brancas é esperada uma redução na ordem dos três cêntimos.

Esta é a primeira redução do ano no preço dos combustíveis, ainda que novas descidas possam vir a acontecer. O preço do barril de petróleo Brent, para entrega em março, abriu esta segunda-feira em baixa no mercado de futuros de Londres, a valer 28,46 dólares, menos 1,6% do que no fecho da sessão anterior.

Na sexta-feira, o barril de crude Brent para entrega em março encerrou no mercado de futuros de Londres em baixa de 6,70%, para os 28,94 dólares.

Foi a primeira vez desde 2004 que o valor do preço do barril no encerramento da sessão de Londres ficou abaixo dos 30 dólares.

A razão apontada foi o receio de que o regresso do petróleo iraniano ao mercado (após o levantamento das sanções ao país) agrave a abundância de uma oferta já excessiva face à procura, que tem arrastado os preços para baixo desde há um ano e meio.

Prejudicial para os países exportadores, esta baixa aproveita, em contrapartida, aos consumidores, países importantes e empresas muito dependentes de combustíveis, como as transportadoras aéreas.

  • Na Europa, as principais bolsas europeias iniciaram a sessão desta segunda-feira no verde, motivadas pelos ganhos das praças chinesas. Em Portugal, o PSI já esteve no vermelho mas recuperou. O preço do petróleo alcança novos mínimos desde 2004, com o fim das sanções ao Irão.