Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Wall Street abre em terreno negativo. Bolsas mundiais no vermelho

  • 333

Depois da Ásia fechar a perder 0,6% e da Europa continuar a registar perdas, as bolsas de Nova Iorque abrem esta sexta-feira no vermelho. Preço do barril de Brent oscila em torno de 37 dólares

Jorge Nascimento Rodrigues

As bolsas de Nova Iorque abriram no vermelho. Em Wall Street, o índice S&P 500 perdia 0,6% e o Dow Jones 30 recuava 0,3%. Na bolsa das tecnológicas, o índice Nasdaq abriu a cair 0,4%. O mercado bolsista norte-americano prossegue a trajetória negativa do dia anterior, quando o índice MSCI para os Estados Unidos perdeu 1,5%.

O efeito positivo da decisão da Reserva Federal norte-americana (Fed) foi eclipsado pela preocupação dos investidores com o curso do petróleo, cujo preço do barril continua em mínimos desde dezembro de 2008. O preço do Brent encerrou na quinta-feira em 36,94 dólares, um novo mínimo de sete anos em valores de fecho, e na sessão europeia desta sexta-feira já cotou abaixo, em 36,4 dólares. Na abertura da sessão norte-americana, o preço do Brent oscilava em torno dos 37 dólares.

No mercado secundário obrigacionista, as yields dos títulos do Tesouro norte-americano a 10 anos abriram em 2,22%, sete pontos abaixo do nível atingido na quinta-feira, quando a Fed annciou a decisão de subida das taxas de juro em 25 pontos base. No entanto, estão nove pontos base acima do valor de fecho de há uma semana. O custo de financiamento da dívida norte-americano no prazo de referência atingiu um mínimo do ano de 1,64% a 30 de janeiro e um máximo de 2,48% a 10 de junho.

No resto do continente americano, São Paulo abriu em terreno negativo, com o índice IBovespa a cair mais de 2%, em Toronto o índice S&P/TSX flutuva em torno da linha de água e na Cidade do México o índice IPC da Bolsa de Valores Mexicana perdia 0,26%.

Na Europa continua a maré vermelha, com o Eurostoxx 50 (das cinquenta principais cotadas) a perder mais de 1%. Madrid, com o índice Ibex 35 a recuar 1,35%, liderava as quedas entre as bolsas mais importantes europeias. O índice PSI 20, da Bolsa de Lisboa, estava ligeiramente acima da linha de água.

  • O efeito positivo do anúncio da Fed foi de curta duração. Depois de Wall Street na quinta-feira, Ásia fecha com perdas e Europa abre em queda nesta sexta-feira. Nem mesmo mais estímulos monetários do Banco do Japão animaram