Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

México protesta contra política de António Costa

  • 333

Tiago Miranda

México protesta formalmente contra a “possibilidade de virem a ser anuladas” as subconcessões da Carris e do Metro de Lisboa ganhas pelo grupo mexicano ADO/Avanza

A reação do México contra a política António Costa relativa à "possibilidade de virem a ser anuladas" as operações de subconcessão da Carris e do Metro, "legitimamente ganhas em concursos pelo grupo mexicano ADO/Avanza", foi formalizada pelo Governo do México através do seu embaixador em Portugal, Alfredo Pérez Bravo, refere um comunicado dos Estados Unidos Mexicanos enviado ao Expresso.

O México manifesta um protesto formal sobre "a possibilidade de serem anuladas as subconcessões ganhas pela empresa mexicana ADO/Avanza para operar o Metro e os autocarros urbanos da Carris, em Lisboa, tendo para esse efeito cumprido todas as condições submetidas a concurso e assinados os respetivos acordos".

As autoridades mexicanas "confiam que será mantido o interesse comum ao desenvolvimento das relações económicas entre o México e Portugal", refere o comunicado, recordando que, "nos últimos anos, os governos do México e de Portugal deram um impulso inédito aos vínculos entre os dois países através de contactos políticos frequentes de alto nível e de uma agenda económica bilateral dinâmica que favoreceu o crescimento dos fluxos comerciais, bem como os investimentos concretizados em ambos os países".

Este protesto teve mais visibilidade pública que as manifestações formalizadas no mesmo sentido por representações diplomáticas do Reino Unido e de Espanha.