Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Efacec investe na mobilidade elétrica

  • 333

Primeiro negócio da era Isabel dos Santos garante carregamento sem fios de veículos elétricos

A Efacec Electric Mobility, SA (EEM) está a investir numa solução inovadora de carregamento sem fios de veículos elétricos para reforçar a sua oferta nesta área de negócio. A tecnologia foi desenvolvida pela multinacional norte-americana Qualcomm Incorporated, mas a Efacec garantiu a licença de comercialização desta solução wireless para veículos híbridos e elétricos.

O valor envolvido no primeiro negócio depois da Efacec Power Solutions, que integra a EEM, ter passado a ser controlada por Isabel dos Santos e liderada por Ângelo Ramalho não foi divulgado, com a empresa a informar, apenas, que o acordo de royalties celebrado entre as duas partes contempla "a licença de patente para desenvolver, produzir e fornecer sistemas de carregamento sem fios para veículos elétricos".

Em comunicado, a empresa justifica esta aposta para alargar o seu portfólio salientando que "fabricantes automóveis, empresas de infraestruturas, urbanistas e governos (…) reconhecem o impacto positivo que o carregamento sem fios poderá ter" para o futuro da mobilidade elétrica, uma vez que esta solução elimina a necessidade de cabos e simplifica o processo de carregamento.

Assim, no desenvolvimento e produção de soluções nesta área, a Efacec vai passar a incorporar a nova tecnologia wireless da Qualcomm decidida a manter uma posição de liderança no fornecimento de equipamentos para fabricantes de veículos elétricos em todo o mundo.

Crescer 60% num ano

Cronologicamente, a entrada da empresa neste segmento deu-se com o projeto Mobi e a rede de mobilidade elétrica que começou a ser construída em Portugal para incrementar a utilização de carros elétricos. O projeto foi interrompido, mas a Efacec continuou o seu trabalho e avançou com uma estratégia de internacionalização que permitiu levar os seus carregadores a mais de 20 países, sempre com design adaptado a cada geografia.

Foi um percurso que levou a Efacec a estabelecer uma parceria com a Siemens, trabalhar "num relacionamento estreito" com algumas das principais marcas automóveis e a participar em projetos embelemáticos como a instalação de carregadores em Masdar (Abu Dhabi), cidade que tem o objetivo de estar entre as mais sustentáveis do mundo, ou a eletrificação da auto-estrada da Baviera, na Alemanha.

Considerada uma área estratégica para o crescimento da Efacec, a EEM prevê faturar 16,5 milhões de euros em 2015 e atingir os €26,5 milhões em 2016.