Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Nuno Amado: "Não cabe ao Fundo de Resolução capitalizar o Novo Banco"

  • 333

O presidente do BCP considera que a reestruturação é o único caminho possível para o Novo Banco cumprir os rácios de capital

O presidente do BCP disse na apresentação de resultados do terceiro trimestre, em que o banco apresentou um lucro de 264,5 milhões de euros, que "o tema Novo Banco é muito relevante. É essencial para o sistema financeiro português".

Nuno Amado considera que "não cabe ao Fundo de Resolução capitalizar o Novo Banco. O banco vai ser objeto de uma reestruturação fazendo o caminho que ainda não fez e esse é o único caminho possível", remata o presidente do BCP, que diz que não tem "informação privilegiada" sobre o assunto. "Sabemos o que lemos nos jornais".

Quanto à escolha de Sérgio Monteiro para vender o Novo Banco, Nuno Amado considera que o ex-secretário de Estado dos Transportes "tem qualificações para a função pelo seu conhecimento de banca e dos mecanismos de regulação a nível europeu".