Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

EDP concorre a projeto de €200 milhões no Canadá

  • 333

A EDP Renováveis está a concorrer a um leilão para venda de eletricidade a longo prazo no Canadá, de acordo com a edição desta terça-feira do Diário Económico. Com uma capacidade já instalada de 30 Mw em Ontário, o prejeto prevê a instalação de mais 175 Mw de renováveis eólicos

A empresa prepara-se para reforçar a presença no Canadá, concorrendo com um conjunto de parques eólicos ao leilão para obtenção de contratos de venda de eletricidade de longo prazo, revela o Diário Económico.

O Canadá é um mercado há muito apontado como estratégico, mas cuja presença é ainda residual, contrariamente ao que sucede nos Estados Unidos, onde a EDP Renováveis já se posiciona como o terceiro maior operador de energia eólica.

Com uma capacidade instalada de 30 megawatts na região de Ontário, o objetivo passa pela instalação de mais 175 megawatts eólicos. Em causa estão dois projetos que, a preços correntes, representam um investimento superior a 200 milhões de euros.

O grupo liderado por Manso Neto encontra-se na fase final do concurso lançado pelo operador do sistema elétrico de Ontário e que visa a atribuição de contratos de venda de energia por 20 anos.

O processo competitivo, iniciado em agosto, deverá estar concluído nas próximas semanas. Este é o primeiro concurso de energia renovável promovido pela província de Ontário, desde o cancelamento, em 2013, do programa de tarifas subsidiadas destinadas a promover o investimento em energias verdes em larga escala.

As ofertas dos concorrentes serão avaliadas com base no preço licitado para o contrato de venda de energia a 20 anos, existindo também critérios qualitativos relacionados com os benefícios para as comunidades locais e o suporte que estas darão a cada projeto.

Caso seja um dos vencedores, a EDP Renováveis poderá instalar os parques eólicos, ao abrigo do contrato de venda da energia de longo prazo, até 2019.