Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Galp prevê produzir 100 mil barris por dia em 2017

  • 333

Tiago Miranda

Petrolífera alcançou os 50 mil barris diarios de petróleo no terceiro trimestre e quer duplicar a produção em dois anos

Miguel Prado

Miguel Prado

Jornalista

A Galp Energia prevê atingir uma produção petrolífera de 100 mil barris por dia dentro de dois anos, revelou esta segunda-feira o presidente executivo do grupo, Carlos Gomes da Silva.

Em conferência de imprensa para apresentação das contas do terceiro trimestre, o gestor sublinhou que a Galp acaba de conseguir chegar aos 50 mil barris de petróleo por dia nos seus projetos no Brasil e em Angola. Segundo Carlos Gomes da Silva, isso é "resultado de uma estratégia de muitos anos" na Galp.

O crescimento da produção estará alavancado principalmente no Brasil, onde a Galp está a instalar novas plataformas flutuantes de produção de petróleo. Segundo Carlos Gomes da Silva, as mais recentes plataformas estão a atingir os picos de produção em 12 meses, em vez dos 18 meses inicialmente previstos.

A Galp, que tem entre os seus objetivos alcançar uma produção diária de 300 mil barris (o equivalente ao consumo petrolífero de Portugal), fechou o terceiro trimestre com um lucro de 180 milhões de euros, o que Carlos Gomes da Silva disse ser um motivo de satisfação.

O gestor notou ainda a menor exposição da Galp ao negócio na Península Ibérica, cujo peso nos resultados foi de 45%, em consequência da estratégia de diversificação do grupo.