Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Turismo vira-se para os festivais de verão

  • 333

João Cotrim de Figueiredo, presidente do Turismo de Portugal, quer aproveitar a boleia do programa de fidelização Portugal Golf Membership

Alberto Frias

Turismo de Portugal quer replicar sucesso alcançado com experiência no golfe e apresentar o país como um enorme clube para eventos

O programa de fidelização Portugal Golf Membership (PGM), lançado há cerca de um ano e que conta presentemente com mais de 18 mil inscritos nessa plataforma digital, vai ser replicado pelo Turismo de Portugal, que quer aplicar a fórmula aos festivais de verão. A intenção é apresentar o país como um enorme clube desse tipo de eventos, que têm vindo a registar crescente adesão de portugueses e estrangeiros, que viajam pela qualidade dos artistas intervenientes mas também pela imagem de bem receber e bem-estar que Portugal tem reforçado nos últimos tempos.

A ideia foi transmitida ao Expresso por João Cotrim Figueiredo, presidente do Turismo de Portugal, que no passado fim de semana acompanhou em Vilamoura a final da 9ª edição do Portugal Masters, pontuável para o circuito europeu de golfe e que tem ajudado a cimentar o posicionamento do país e do Algarve como um dos mais competitivos destinos europeus da modalidade. O torneio algarvio está a ser usado pelo Turismo como um ‘gancho’ para a comunicação exterior através do PGM. “Usamos o Portugal Masters para falar do país como destino, para férias de golfe e não só”, diz Cotrim Figueiredo, muito satisfeito pelos resultados da parceria única estabelecida com o circuito europeu e que tem permitido a promoção do país e do golfe nacional noutros torneios concorrentes.

Enquanto programa de fidelização de expressão digital (portugalgolfmembership.com), o PGM apresenta mensalmente entre 100 e 150 ofertas, capazes de valorizar e experiência da visita ao país e de ativar a cadeia de valor. A maior parte dos atuais 18 mil inscritos vem do Reino Unido, mas também da Alemanha, Holanda e países escandinavos. “É uma iniciativa única que nos tem permitido testar novas técnicas de marketing, que têm funcionado muito bem”, adianta o responsável pelo Turismo de Portugal. “Não usamos o Masters e outros eventos que apoiamos como forma de gerar dormidas ou movimentos nos dias que duram os eventos. Usamo-los para comunicar e todos têm de ter uma relevância que transcenda a duração do evento e permita trabalhar o ano todo”, explica.

Famílias no Masters luso

Depois do BMW PGA Championship, que anualmente se realiza no campo de Wentworth, Inglaterra, o Masters luso é o torneio do circuito europeu que arrasta mais famílias atrás dos jogadores. No passado domingo, mal concluiu a prova algarvia que dominou do primeiro ao último dia, o britânico Andy Sullivan foi brindado com um banho de champanhe pelos pais, mas trouxe com ele outros familiares e amigos. Este episódio ajuda a explicar a aposta que o Turismo de Portugal pretende replicar nos festivais.

“São eventos que cumprem duas características para nós essenciais: têm a aspiração de ser líderes nalguma coisa e transmitem valores alinhados com a nossa estratégia central de marketing: sermos um povo que de forma mais autêntica e genuína gosta de receber quem nos visita”. Ou seja, não é o evento que interessa mas antes a mensagem que é comunicada além dele. “No surf, também viemos do nada e somos hoje o destino número um da Europa”, aponta Cotrim Figueiredo.

O apoio do Turismo de Portugal aos festivais de verão verificar-se-á também através de uma plataforma digital. Cotrim Figueiredo reconhece o “excelente trabalho de marketing” já realizado pelos próprios festivais, muito bem-sucedido a nível nacional e não só, uma vez que alguns “conseguiram fidelizar espectadores estrangeiros de forma regular e até crescente”. O apoio do Estado servirá para “facilitar, catalisar e pôr mais organização sobre algo que já existe e tem valor, para atingir mais públicos”. O Turismo tem mantido contactos com os diferentes promotores e não quer avançar, para já, que festivais apoiará mais de perto.