Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Negociação e definição dos preços

  • 333

Num contexto de volatilidade de mercados, todas as fontes de receitas devem ser tidas como oportunidades. A estruturação dos preços de transferência permite capitalizar receitas decorrentes de eficiências fiscais e suportar reestruturações do modelo de negócio.

A construção do preço de transferência baseia-se na devida ativação de um conjunto de variáveis, permitindo a otimização de resultados. Estas variáveis incluem termos de pagamento/recebimento, âmbito e extensão das garantias, risco de crédito e cambial, volumes, duração da operação, condições de entrega, custos de localização de fatores de produção e/ou distribuição, ciclo de vida do mercado, alternativas disponíveis ao comprador e vendedor, estratégia de quota de mercado, ou regulamentação específica, as quais devem ser do domínio corrente da gestão.

O âmbito de ação dos preços de transferência assegura a racionalidade económica e a substância da operação, pela articulação das variáveis do negócio. Veja-se o exemplo da criação de centrais de compras, onde são otimizados os riscos de stock, crédito, cambiais, condições de entrega e de pagamento, em função de uma maior eficiência fiscal, assegurando a negociação de um preço em linha com as funções e riscos assumidos.

A diferenciação e o sucesso de estratégias de preços de transferência passam necessariamente pelo alinhamento do modelo negócio com as regras fiscais, garantindo que as variáveis são exponenciadas no seu benefício para a operação, numa lógica de alinhamento com o modelo de negócio, e para a componente fiscal.

Grupos estruturados revelam uma consistência na definição dos seus preços de transferência, criando fatores de diferenciação que dinamizem o seu posicionamento e agilizem a resposta a estímulos competitivos.

por Tânia Rodrigues - Este projeto resulta de uma parceria entre o Expresso e a Deloitte

ATÉ AO FIM DO ANO, O EXPRESSO VAI PUBLICAR TODAS AS SEMANAS UMA IDEIA PARA POUPAR NOS IMPOSTOS, NUMA PARCERIA COM A DELOITTE. NO TOTAL, SERÃO 50 CONSELHOS. VEJA AQUI A LISTA DE ARTIGOS JÁ PUBLICADOS