Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

BPN. Na pior das hipóteses a perda pode ultrapassar €7 mil milhões

  • 333

Nacionalização do banco já custou ao Estado 4,5 mil milhões entre o buraco assumido logo e perdas nos ativos do banco. Mas há 3,2 mil milhões por cobrar

A nacionalização do BPN pode ter um custo para os cofres do Estado de quase oito mil milhões de euros. €4,5 mil milhões foram há reconhecidos no défice orçametnal de vários anos. Uma primeira fatia de €1800 milhões foi registada nas contas de 2010.

Os restantes €2,7 mil milhões nos anos seguintes devido à recapitalização do banco antes da venda ao BIC e às imparidades que foram sendo reconhecidas pelos veículos do Estado criados para gerir os ativos do BPN (Parvalorem, Parups e Parparticipadas). O grosso dos créditos tóxicos estão na Parvalorem que tem vivido com financiamento do Tesouro e da Caixa Geral de Depósitos.

Leia mais na edição deste fim de semana