Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Desemprego cai para 12,1% em julho

  • 333

TIAGO MIRANDA

Número de desempregados desce 0,2 pontos percentuais relativamente a junho de 2015. Desemprego jovem também diminui

A taxa de desemprego, ajustada de sazonalidade, caiu para 12,1% em julho, segundo a estimativa provisória publicada esta segunda-feira pelo Instituto Nacional de Estatística (INE). Este valor representa uma queda de 0,2 pontos percentuais relativamente ao mês anterior.

Os dados apresentados pelo INE apontam para um decréscimo de 0,7% da população desempregada, entre junho e julho deste ano: no último mês, o número de desempregados fixou-se nas 624,9 mil pessoas (menos 4,7 mil pessoas comparando a junho).

O desemprego diminuiu nos grupos das mulheres (-1,6%), dos adultos (-0,7%) e jovens (-0,9%). Segundo o INE, “a população desempregada de homens manteve-se praticamente inalterada”.
Neste mês, a taxa de desemprego das mulheres excedeu a dos homens (12,2% e 12,1%, respetivamente).

A taxa de desemprego dos jovens fixou-se nos 31,0%, observando uma diminuição de 0,6 pontos percentuais face a junho de 2015.

Desemprego em junho revisto em baixa

A taxa de desemprego relativamente a junho foi revista: passou dos 12,4% na última estimativa apresentada pelo INE para os 12,3%.

Segundo a metodologia das estimativas mensais de emprego e desemprego utilizada pelo INE, os números para cada mês correspondem, na verdade, a um conjunto de três meses centrado no mês de referência. Assim, os dados de junho correspondem ao trimestre formado por maio, junho e julho.

Quando o INE divulgou a estimativa provisória de junho já tinha toda a informação para dois desses meses (maio e junho), mas ainda faltava a referente para o terceiro mês (julho). Para essa foi efetuada uma estimativa. Agora, já com toda a informação recolhida, o INE substituiu a estimativa provisória pela definitiva.