Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Espanha cresce no segundo trimestre como antes da crise

  • 333

A economia espanhola cresceu 1% no segundo trimestre, o que representa a maior taxa de crescimento dos últimos oito anos

A economia espanhola cresceu 1% no segundo trimestre do ano face aos três meses anteriores, naquela que é a maior taxa de crescimento dos últimos oito anos, ou seja desde antes da crise.

De acordo com os dados do Instituto Nacional de Estatística espanhol (INE), o crescimento do PIB espanhol no segundo trimestre de 2015 ficou uma décima acima da subida nos primeiros três meses (que foi de 0,9%) e deveu-se ao consumo das famílias e ao investimento (sobretudo em bens industriais). Face ao mesmo trimestre de 2014, a subida é de 3,1%.

O consumo das famílias espanholas cresceu 1% no segundo trimestre em taxa anual e já acumula nove trimestres consecutivos em alta. A esse motor de crescimento juntou-se outro: o investimento, que cresceu 2,2% no trimestre.

Num segundo trimestre em que se realizaram em Espanha as eleições municipais e autonómicas (em 13 das 17 comunidades), os gastos públicos (que também contribuem para o PIB) cresceram 0,4% face ao trimestre anterior e 1% face ao ano anterior.

Esta subida do consumo público é a maior em quase cinco anos, desde o terceiro trimestre de 2010.

Se a procura interna contribui com 3,3 pontos percentuais para o crescimento do PIB no segundo trimestre (ou seja, mais duas décimas do que no primeiro trimestre),já a procura externa retirou 0,2 pontos percentuais. Ainda assim, estas duas décimas a menos representam uma melhoria face aos -0,4 pontos percentuais do trimestre anterior.

As taxas de crescimento trimestral e anual coincidem com as estimativas do INE espanhol do passado dia 30 de julho.