Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Corticeira Amorim. Recorde de vendas no primeiro semestre

  • 333

Rui Duarte Silva

Vendas semestrais ultrapassam a barreira dos 300 milhões de euros. Lucros crescem 42,4%

A Corticeira Amorim fechou o primeiro semestre com um recorde de vendas de 309,2 milhões de euros, o que representa um aumento de 7% face ao período homólogo de 2014, refletindo "a conjugação do crescimento orgânico com um efeito cambial favorável", refere a empresa em comunicado enviado à CMVM.

Os lucros totalizaram 26,2 milhões de euros, mais 42,4% que nos primeiros seis meses do ano passado, "tendo beneficiado do crescimento, a um ritmo razoável, da economia mundial", refere a direção da Corticeira, presidida por António Rios Amorim.

Na apresentação de resultados anuais, a empresa salienta o contributo das vendas das unidades de negócio rolhas (mais 10,4%) e aglomerados compósitos (15,7%).

Já as vendas semestrais na unidade de negócios revestimentos ficaram nos 57,5 milhões de euros, menos 7,7% que no ano anterior, devido a "dificuldades enfrentadas desde o verão de 2014 em dois mercados chave: Rússia e Estados Unidos", explica a empresa.

O EBITDA da Corticeira cresceu quase 25%, para os 54,3 milhões de euros, e os gastos financeiros caíram para os 1,2 milhões de euros, "uma redução superior a um milhão de euros relativamente ao semestre homólogo", explicada pela quebra acentuada da taxa de juro e pela redução do endividamento.